Parapan-Americano: Brasil brilha no primeiro dia com 31 medalhas e recordes

0 41

Neste sábado (18), no primeiro dia dos Jogos Parapan-americanos de Santiago, no Chile, a delegação brasileira destacou-se com um total de 31 medalhas até as 16h20 (horário de Brasília), distribuídas em 11 de ouro, dez de prata e dez de bronze.

Uma das grandes performances foi da nadadora paulista Alessandra Oliveira, que, aos 15 anos, conquistou o ouro nos 100m peito da classe SB4 (limitação físico-motora), estabelecendo um novo recorde parapan-americano com o tempo de 2min10s54. Alessandra iniciou sua trajetória na Escola Paralímpica de Esportes do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB).

Outros dois nadadores brasileiros, Patrícia Santos e Douglas Matera, também subiram ao topo do pódio e estabeleceram recordes parapan-americanos no Centro Aquático do Parque Estádio Nacional do Chile. Patrícia Santos brilhou nos 50m peito da classe SB3 (limitação físico-motora), enquanto Douglas Matera destacou-se nos 100m costas da classe S12 (baixa visão).

Na sessão noturna, as competições de natação continuaram, com dois brasileiros quebrando recordes parapan-americanos nas eliminatórias: Samuel Oliveira nos 50m livre da classe S5 (limitação físico-motora), registrando 31s97, e Gabriel Bandeira nos 200m livre S14 (deficiência intelectual), com o tempo de 1m58s47.

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Comentários
Loading...