Instituto de Daniel Alves Volta a Receber Verba do Governo Federal para Iniciativas Esportivas

0 20

O Instituto DNA, fundado pelo jogador Daniel Alves, retomou o recebimento de verba do governo federal. Segundo informações do site Metrópoles, parceiro do Bahia Notícias, a ONG do atleta baiano obteve um fomento de R$ 690.189 da Secretaria Nacional de Esporte Amador, Educação, Lazer e Inclusão Social, vinculada ao Ministério do Esporte.

A verba, publicada no Diário Oficial em 12 de novembro, tem como destino a promoção de oficinas de iniciação esportiva no basquete 3×3, em Araraquara, interior de São Paulo.

A última vez que o Instituto DNA recebeu verba do governo federal foi em 13 de dezembro do ano passado, quando Daniel Alves ainda era presidente da entidade. Desde então, o jogador encontra-se preso na Espanha desde janeiro deste ano, enfrentando acusações de estupro. O documento mais recente traz a assinatura de Rodrigo Gomes Valentim à frente da ONG, que anteriormente atuava como diretor técnico.

Em março de 2022, o Instituto de Daniel Alves firmou parceria com a Prefeitura de Salvador para criar um espaço dedicado à descoberta de talentos juvenis. Contudo, em novembro do mesmo ano, o Ministério Público Federal (MPF) iniciou uma investigação sobre Daniel Alves e o ex-jogador Emerson Sheik por receberem R$ 6,2 milhões por meio de ONGs anteriormente inativas. A suspeita era que as organizações dos atletas buscavam burlar as exigências legais para o recebimento de verbas públicas, conhecidas como “ONGs de prateleira”. No entanto, o Tribunal de Contas da União (TCU) arquivou a denúncia.

Após a prisão na Espanha, o Instituto DNA removeu o nome e a imagem de Daniel Alves da fachada do galpão em Lauro de Freitas, região metropolitana de Salvador, agora identificado como Instituto Liderança e praticamente desocupado.

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Comentários
Loading...