Locutor baiano é morto em assalto no DF e família pediu ajuda para trazer corpo à BA

0 408

Foi com muita dificuldade que a família de Carlos Brandão de Oliveira, 27 anos, vítima de latrocínio no Setor M Norte, entre Taguatinga e Ceilândia, na sexta-feira (1º/1), teve para fazer o translado e precisou de ajuda para conseguir transportar o corpo até o município de Dias d’Ávila, na Bahia.


Carlos trabalhava como locutor na Feira dos Goianos, em Taguatinga, e também como ambulante. No dia do crime, ele tinha saído com outros dois colegas para buscar cerveja, quando foi surpreendido por assaltantes. “Tudo o que sabemos até agora é que foi um assalto”, explica Vera Lúcia Brandão, 39, irmã da vítima.

Os parentes foram pegos de surpresa com a notícia. Sem condições de pagar pelo traslado do cadáver até a cidade onde moram. Tivemos que pedir ajuda nas redes sociais para pagar a funerária que cobrou R$ 3,5 mil e não tiamos esse dinheiro”, comenta.

Segundo informações de familiares, o corpo de Carlos Brandão de Oliveira, irá chegar na manhã dessa quinta-feira (07), e o enterro será no cemitério Bosque da Paz, em Dias d’Ávila.

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Comentários
Loading...