Cristão fogem do Afeganistão para não serem mortos pelo Talibã

0 454

Cristãos estão fugindo do Afeganistão, após o grupo terrorista Talibã cercar Cabul, a capital do país. A tomada de Cabul pelos talibãs ocorre 20 anos depois de o grupo extremista ser expulso da capital afegã pelos Estados Unidos.

O grupo terrorista Talibã defendia uma rendição pacífica do governo afegão. Como resultado, o presidente, Ashraf Ghani, deixou o país neste domingo (15/08). Além disso, tomou controle do palácio presidencial em Cabul, após a fuga do presidente.

Diante do caos que se instalou no país, pastores estão fugindo do Afeganistão, para não serem torturados, escravizados ou mortos, A informação foi relatada pelo pastor Mario Rui Boto, da Hillsong Portugal.

“Os relatos que chegam das igrejas no Afeganistão, vindas de colegas meus do GKPN(Global Kingdom Partners Network) a qual pertenço, são dramáticos! À medida em que os Talibãs avançam, muitos missionários estão a fugir para salvarem as vidas da escravidão, tortura, violação e morte, deixando tudo para trás”, disse Mario Rui

“Muitos pastores locais (Afegãos) têm muita dificuldade em sair, algumas igrejas no Tajiquistão estão a receber muitos pastores e cristãos afegãos que conseguem fugir. O “ocidente” assobia hipocritamente para o lado, enquanto atrocidades são cometidas. Oremos pelos nossos irmãos afegãos, e que Deus tenha misericórdia!”, completou ele.

Fonte: Portal do Trono

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Comentários
Loading...