Pré candidata a prefeitura de Santo Amaro pode ser impugnada pela justiça

0 570

A pré-candidata à prefeitura de Santo Amaro, interior baiano, Alessandra Gomes, está sendo acionada judicialmente e corre o risco de ter sua candidatura impugnada. O motivo é que segundo a Lei Eleitoral, o candidato não deve função de direção ou representação em pessoa jurídica ou empresa que mantenha contrato de execução de obra de prestação de serviços ou de fornecimento de bens com órgão do poder público ou sob seu controle no prazo de seis meses anteriores à eleição.

O que acontece é que Alessandra é sócia da empresa Praina Comércios de Medicamento, que possui contratos vigentes com a Administração Pública incluindo o Governo do Estado da Bahia. Há também contratos com dispensa de licitação, com recursos direcionados à Covid-19.

Vale ressaltar ainda que a candidata não assinou a declaração de bens, requisito indispensável para a justiça eleitoral autorizar o registro de candidatura. Alessandra é esposa do ex-prefeito de Santo Amaro, Ricardo Machado, envolvido nos escândalos da Operação Adsumus, em que é acusado por desvio de verbas públicas no município. Ricardo está inelegível, e não pode disputar a eleição de 2020, o que fez o mesmo indicar a esposa para concorrer ao pleito.

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Comentários
Loading...